12 Fevereiro 2012

O Pontilhismo


Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte, 1884 - 1886, Georges Seurat

“…uma técnica inventada pelo pintor do século XIX Georges Seurat, através da qual o artista em vez de misturar as cores antes de as aplicar sobre a tela, colocava-as separadamente sobre a superfície do quadro de forma a que a uma certa distância elas se fundissem aos olhos dos espectadores.” 

LAWSON, Susannah. (1999). O Livro da Arte do Século XX. Lisboa: Texto Editora, p. 429.


O Pontilhismo (também designado por divisionismo ou neoimpressionismo), é uma técnica (e movimento) de pintura, saída do movimento impressionista, em que pequenas manchas ou pontos de cor provocam, pela justaposição, um efeito óptico nos olhos do observador (imagem) diferente do da pintura convencional.

A técnica de utilização de pontos coloridos justapostos também pode ser considerada o culminar do desprezo dos impressionistas pela linha, uma vez que esta é somente uma abstração do Homem para representar a natureza.

O pontilhismo é uma técnica que como o nome diz usa pontos para formar a imagem. Com eles definimos sombras, luz, escala de tons, profundidade, etc. 

Esta técnica foi criada na França, com grande impulso de Georges Seurat e Paul Signac, no século XIX.

Georges-Pierre Seurat (Paris, 2 de dezembro de 1859 - Paris, 29 de março de 1891) foi um pintor francês e pioneiro do movimento pontilhista. As suas obras podem ser consideradas o ponto máximo atingido por este movimento, tal como "Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte" e a obra-prima inacabada "O Circo".





Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte, 1884 - 1886, Georges Seurat.

Uma "Tarde de Domingo na Ilha de Grande Jatte - 1884" é uma pintura a óleo feita em pontilhismo e que retrata a Ilha de Grande Jatte. Está exposta no Instituto de Arte de Chicago, EUA, e é uma das principais obras usadas com os alunos para, a partir daí, estudar o pontilhismo.

Outras obras em destaque:


A Parada no Circo - 1888, Georges Seurat.


Une baignade à Asnières, (1884) - Georges Seurat 


O circo (obra inacabada), 1891 - Georges Seurat


“Les poseues” (As modelos) de Georges Seurat. 


Breakfast, Paul Signac, 1886-1887.


Gray weather, Grande Jatte, Georges Seurat, 1888.


Georges Seurat


Paul Signac



Alguns vídeos sobre a técnica:








Algumas atividades interessantes para fazer com os alunos.












Há duas variantes desta técnica na língua inglesa: a stripple, onde usa pontos apenas na coloração preta normalmente com caneta naquim e o pontilism onde é permitido usar pontos coloridos.

Stripple 

Mary lr – DeviantART


M.Ramos


Daiane Moraes – DeviantART


Miguel Endara


Miguel Endara


Merece a pena visitar este site.




Aqui poderá ver uma técnica adotada por grande artistas, usando um pouco da tecnologia e que interage o Photoshop com o Illustrator.




Um "olhar" diferente sobre a técnica do pontilhismo.




Mais alguns desenhos usando a técnica do pontilhismo.



















1 comentário: